quinta-feira, março 15, 2007

Uma Perrier, por favor!





Em Nova Iorque há um restaurante, onde, além da carta de vinhos, existe uma carta de águas.

De há uns anos para cá que me venho interessando por esta marca.

Em Roland Garros, a Perrier é a patrocinadora oficial do torneio;

Para Hemingway, é a sparkle que se mistura com Hague.

Quanto a mim, gosto dela simples, bem fresca, embora com um excelente James Martins de Vinte Anos - em copo de fino vidro raso e duas pedras de gelo, à sombra de um abrasador e estival sol alentejano -,também seja excelente.

Na esplanada, alguém pede: "Uma Perrier, por favor!"

5 comentários:

Rui Luís Lima disse...

olá

se gostas de cinema vem visitar-nos em

www.paixoesedesejos.blogspot.com

todos os dias falamos de um filme diferente

paula e rui lima

Sub-Lodo disse...

Grande cagada...vê-se mesmo que nunca provaste tinto carrascão da Adega Paço do Conde...isso sim!

ViriatoFCastro disse...

O Branco da Liga dos Combatente guarda histórias hospitalares engraçadas!

ViriatoFCastro disse...

Mas espera lá... e as "Pedras Salgadas" de Sabores? Hein?

Mariana Pereira da Costa disse...

Perrier, a água com bouquet!